Minha lista de blogs

sábado, agosto 25, 2012

Guerra Interior x Capital



Assunto requentado

Já que estive fora, permitam voltar ao assunto sobre o clássico regional realizado essa semana que finda entre Avaí e Criciúma, onde segundo alguns blogueiros avaianos o tigre merecidamente venceu por dois a zero. Hemerson Maria jogou para empatar e perdeu. Mas o assunto que quero abordar não trata do jogo em si, mas o comportamento de alguns torcedores.

Guerras Púnicas Catarinense

Se tem uma coisa que me irrita é esse culto que algumas pessoas do interior de Santa Catarina tem e insistem em manter que é odiar tudo o que tem, é ou vem da Capital. Em pleno século vinte um, isso é inadmissível. Coisa realmente de quem se sente inferior.

Falo especificamente sobre essas agressões gratuitas que alguns torcedores, tanto do Avai quando do nosso coirmão vem sofrendo em algumas localidade, fatos lamentável, repetitivos e que o policiamento responsável pela segurança vem falhando sistematicamente.

Ninguem viaja kms para jogar rojão

Não é possível que essa historia do rojão tenha se repetido e justamente em Criciúma. Estive recentemente em Alagoas, jogo Avaí x CRB e devido a competência do pessoal responsável pela segurança no estádio, não fomos importunados. Um bom exemplo a ser seguido.

Idéias e hábitos medievais

Para mim é um espanto, saber que em outras praças de esportes em Santa Catarina a segurança esta funcionando e em Joinville e Criciúma e sempre o mesmo problema?

Em anos anteriores já tivemos problemas em Itajai e hoje segundo alguns amigos, melhorou consideravelmente. Porque em Joinville e Criciúma não funciona?

Evidentemente, a mídia se omite e so comenta casos em que esteja envolvidos integrantes da TMA. Lamento que uma torcida que ja foi amiga(tempos do Raniere) um cidade tao hospitaleira e umas das torcidas com mulheres mais lindas, alguns cometam atos tao insanos.

O que esta acontecendo como nossa querida Criciuma?

Não me venha dizer que o torcedor azurra joga rojão porque gosta disso. Primeiro compete a segurança do espetáculo fazer uma boa vistoria, segundo, ninguém vai jogar rojão no outro sem motivos. Confesso que tenho dúvidas. Onde anda a policia que não tem evitado o confronto?

Não defendo que praticou tal ato, mas quem teria motivo torpe em jogar rojões sem ser importunado?

Sugestões

Há quem a defenda esse tipo de atitude, não concordo e tenho certeza que a maioria da população de Joinville e Criciuma concorda, um tratamento cortes evita certa animosidade e futuros problemas em jogos na capital.

Nem todos compartilham com essas idéias medievais. Eu mesmo, em meu post anterior ao jogo coloquei fotos de belas torcedoras avaianas. Podia ser torcedoras do Jec, Criciuma, sei la. Com tantas mulheres no estadio, os times lutando pelo acesso e os caras resolvem se matar. Francamente!?

Se o motivo de ir ao estadio não é assistir futebol, então que se monte um ringue em cada praça de esporte e quem gostem de brigar que lutem entre si sem colocar em risco a vida dos outros.

Que tal Thiago Tavares pelo Avai e outro da mesma categoria pelos mandantes?

6 comentários:

  1. SERJÃO, VOCÊ TROUXE A BAILA UM PROBLEMA ABORDADO POR MIM EM =I N U M E R A S= OCASIÕES, QUAL SEJA, ESSE =Ó D I O= QUE NOSSOS INTERIORANOS NUTREM POR NÓS DA CAPITAL.
    EU, PARTICULARMENTE, CONHEÇO TODO MEU QUERIDO ESTADO. MEU ESTADO, NÃO... =M E U= P A Í S= SANTA CATARINA.
    TANTO PELA CAIXA ECONÔMICA DO ESTADO DE SANTA CATARINA, COMO PELA BESCRI, COMO PELO BESC E PELA FUSESC, EMPRESAS DE NOSSO EX-SISTEMA FINANCEIRO, E QUE ATUEI POR DEZENOVE ANOS E POUCO, SEMPRE =REPITO= SEMPRE FUI MAGNIFICAMENTE BEM TRATADO. CONTUDO, SENTIA-SE (TAVA NA CARA) O "RANÇO" PELO POVO ILHÉU E POR SUA CAPITAL.
    COSTUMO DIZER QUE É O ÚNICO CANTO DO =MUNDO= QUE O INTERIOR NÃO GOSTA DE SUA CAPITAL E SEUS IRMÃOS CO-ESTADUANOS, É O POVO DE MINHA QUERIDA SANTA CATARINA.
    QUALQUER GAÚCHO OU PARANAENSE QUE "ENRICA" A PRIMEIRA PROVIDÊNCIA É FAZER UM INVESTIMENTO EM CURITIBA OU PORTO ALEGRE. TENHO PROVAS (INÚMERAS) DISSO QUE AFIRMO.
    VEJAM SE UMA FAMÍLIA DE CRICIUMA E O RESTANTE DO SUL OU JOINVILLE E O RESTANTE DO NORTE CATARINENSE, ENTUSIASMAM OU INFLUENCIAM SEUS FILHOS A VIR PRESTAR UM VESTIBULAR EM FLORIPA? MANDAM PRÁ PORTO OU CURITIBA...
    VEJAM SE UMA FAMÍLIA DE MINHA QUERIDA =BRUSCA" (BRUSQUE), COMPRAM UM APTO NOS INGLESES OU JURERE... COMPRAM EM BAL. CAMBORIÚ, BOMBAS, PORTO BELO, MEIA PRAIA...
    EM CHAPECÓ, JOAÇABA, LAGES, MUNICÍPIOS RICOS E PROEMINENTES, TEM SUAS TRADIÇÕES PRÓPRIAS E NÃO GOSTAM NEM DE OUVIR FALAR EM FLORIPA...(E NÃO ME VENHAM PRÁ CÁ DIZER QUE NÃO É VERDADE...).
    POIS NÃO TEVE UM DEPUTADO PENTELHUDO QUE QUIZ LEVAR A CAPITAL PRÁ CUritibanos?
    SINCERA E HONESTAMENTE FALANDO, NÃO CONSIGO ENTENDER OS PORQUÊS DESSE RANÇO, DESSE ÓDIO, DESSA INDIFERENÇA.
    CERTA FEITA EU O MEU CUMPADI IVAN FARIAS, FOMOS INAUGURAR O SISTEMA DE POUPANÇA EM JACINTO MACHADO, E RESOLVEMOS PERNOITAR EM CRICIUMA. A NOITE JOGAVA A O CRICIUMA CONTRA O fiGAYra, E "DISFAUÇADAMENTE" FOMOS AO JOGO. NÃO RECORDO O RESULTADO, POIS A MIM NÃO INTERESSAVA, FUI EM CONSIDERAÇÃO AO IVAN, QUE COM PACEDE COM O PECADO DE TORCER PRÁ ELES. LÁ PELA METADE DO JOGO, UM SENHOR MUITO BEM VESTIDO, NÃO ERA QUALQUER UM, FALANDO UM PORTUGUÊS CORRETO, PERCEBA-SE QUANDO A PESSOA NÃO É UM MERDA QUALQUER, VOLTANDO AS COSTAS PRO CAMPO E FRENTE PRO POVO, AO BERROS BRADOU: "MORTE A ESSES FILHOS DA PUTA DA CAPITAL, ESSES DESGRAÇADOS, QUE SE FODAM ESSA GENTE"... E MUITAS OUTRAS OFENSAS MAIS.
    FICO MUITO TRISTE, EXTREMAMENTE MAGOADO COM TUDO ISSO, PORÉM, É A MAIS PURA EXPRESSÃO DA VERDADE.

    RICA CÂMARA.

    ResponderExcluir
  2. RICA CÂMARA, trouxe o assunto de volta porque esse tipo de comportamento é coisa de homens da caverna, ou povos colonizados. Que eu saiba Santa Catarina é modelo de economia bem distribuída e bom convívio entre varias etnias. Teria o interior complexo de vira lata? Se nao tem, entao nao existe motivo para tanta animosidade contra a capital de todos os catarinense. Que todos possam meditar sobre as causas desse comportamento e pelo menos guardar para si esse tipo sentimento negativo e jamais semear o odio entre as pessoas. Uma grande abraços a todos os homens de bem.

    ResponderExcluir
  3. Acho que Joinville e Chapecó são as piores e depois Criciuma,é puro despeito mesmo INVEJA,isso infelizmente é cultural e acho difícil que mude pois os policiais e a própria mídia local incentivam e fazem vista grossa.Faz 2 anos meu amigo por nada foi espancado por um despreparado da PM em Chapecó jogo que foi transmitido ao vivo pela RBS e nada foi feito.Quando fomos a Brusque no ano em que a "arquibancada" despencou um outro amigo que estava com seu filho se machucou e corretamente processou o Brusque e foi indenizado.Não é só o ódio é tbm a falta de estrutura culpa maior é dessa MERDA DE FCF E O SAFADO DO SAPO BARBUDO!!!
    Abs. Serjão

    ResponderExcluir
  4. JAISON EDUARDO, a lamentar e que nem sempre a mídia mostra ou da destaque sobre isso, exceto quando é relacionado a TMA. Não que a torcida TMA só tenha anjinho, excesso existe em todas as torcidas, mas a lamentar como você bem disse o incentivo a violência por parte da mídia local e a falha da própria PM em colocar profissionais mal preparados para tal serviço. Caso de agressões como a do seu amigo e de outros torcedores da capital não são comentados por aqui, mas sabemos que existe aos montes. A RBS dona dos direitos de transmissão de jogos só mostra se a agressões partirem de integrantes da TMA. Precisamos dar um basta. Cadê o Ministério Publico, PM, FCF? Já que foram tão eficientes em acabar com a entrada da Mancha Azul nos estádios, porque não usam do mesmo expediente para acabar com esse tipo de violência gratuita de torcedores de clubes do interior de Santa Catarina? Não há interesse? Não repercute na mídia?

    ResponderExcluir
  5. SERJÃO EM MEU COMENTÁRIO, SOBRE O ÓDIO/DESPEITO DE NOSSOS QUERIDOS CO-ESTADUANOS COM REFERÊNCIA A NOSSA QUERIDA FLORIPA, E SEUS HABITANTES, ME ATIVE MAIS A CONCEITOS ESTRUTURAIS, MAIS SOBRE O MACRO ANSEIO DA "COISA".
    CONTUDO, A CRONIQUETA COLOCA FOGO, E MUITO FOGO NESSA LENHA. ALGUNS MESMO "QUEREM APAGAR INCÊNCIO COM QUEROSENE". HOJE A "COISA" ESTÁ =ATÉ= UM POUQUINHO MELHOR, CONTUDO, TÍNHAMOS UM MUNICÍPIO (DEIXA PRÁ LÁ O NOME), QUE SUA CRONIQUETA ESPORTIVA =C H E G A V A= A INCENTIVAR E ACIRRAR OS ÂNIMOS. MAIS OU MENOS "CÓPIA" DAQUELE "senhor" DE CRICIÚMA, QUANDO FUI INAUGURAR A POUPANÇA EM JACINTO MACHADO, E PERNOITEI EM CRICRI.

    RICA CÂMARA.

    ResponderExcluir
  6. Júlio Richard Câmara, infelizmente esse tipo de comunicador existe em vários locais, mas para o bem do esporte esta em extinção. Nos aqui tínhamos um alvinegro que trabalhou na RBS que faleceu recentemente, o qual tinha o habito de menosprezava os adversários. Como sempre ocorre, era outro covarde, inclusive apanhou de jogadores alvinegros, justamente por incentivar o ódio e não comparecer as praças de esportes onde o alvinegro jogava. Resultado, sempre sobrava para o time do FFC e o cara no estúdio so tomando refresco. Acho que o MP e o Dentel deviam tomar uma providencia contra tem esses tipos de comunicadores de massa. Abs

    ResponderExcluir

Ta expiando? Gostou? Tem conta no google? Vai, comenta!
Tenha autocritica, argumente, sem usar termos chulos e obscenos (palavrões).Pode discordar, mas sem guerras verbais, ataques pessoais a pessoas e instituições. Assim tu me agradas! Danke Fur Ihren Besuch, thanks for your visit.