Minha lista de blogs

quinta-feira, dezembro 08, 2016

Avai Campeão Catarinense de 1988

Maior publico em um estádio de futebol de todos os tempos em Santa Catarina
Publico oficial 25 mil pessoas, mas segundo Flavio Roberto (autor de um golaço de bicicleta, mal anulado pelo arbitro) e em conversa de bastidores com pessoas do Avai que trabalharam nesse jogo, acrescente ai mais uns 8 mil. Dia em que no intervalo do jogo ninguém saiu do lugar. Não havia meios de se chegar ao banheiro e o jogo era de duas equipes altamente técnica dando o melhor de si. Um jogaço!

Como podem notar no vídeo abaixo, naquele tempo já havia pessoal da imprensa secando o Avai, nesse caso ai era Eládio Cardoso, torcedor ferrenho do Marcílio Dias, o homem da terra da sardinha nesse jogo torcia pelo futebol do interior
Morro da Cruz e as antenas de Tv
Aqui na Capital nesse tempo a crônica esportiva era mané, ingênua e não havia outros interesses em jogo, os dois clubes eram tratados por igual até o titulo brasileiro conquistado pelo Avai. A partir de então, entrou outros interesses em jogo, o futebol da Capital cresceu, se projetou nacionalmente, começaram a vir gente de todo lugar. Que saudades do Roberto e do Miguel da TV Cultura, não perdia um programa e escrevi isso ao jornais do Brasil inteiro sobre como o programa era informal e tratava o futebol com alegria.
  
A cidade deixou de ser nossa, totalmente descaracterizada, passamos a ter os mesmos vícios e defeitos das cidades dessa gente sem total identificação com nosso povo, costumes e tradições.
Hoje se trata o Avai como clube de outra cidade. Talvez porque sua sede é na Ilha da Magia, o lugar mais desejado para se viver e trabalhar, isso cause um pouco de inveja neles.

Com certeza um dos jogos do Avai mais emblemáticos que assisti. No time do Blumenau só tinha feras, no Avai só craques. E que torcida hein? 
Que saudades desses craques, da ingenuidade da nossa mídia esportiva, de nossa Florianópolis. Hoje somos Floripa de todos. E se são de todos, portanto uma cidade de ninguém, sem dono, sem controle de nada.


Floripa hoje se compara as duas cidades bíblicas (Sodoma e Gomorra) destruídas por Deus. Mas já aviso: Não sou esse homem perfeito do lugar chamado . Por tamanha destruição das nossas coisas e nosso verde, acredito que ninguém vire estátua de sal, mas ja somos uma cidade de pedra.

Que venham muitos conquista no Avai de 2017, mas se o Avai continuar a permitir que qualquer estagiário venha falar das finanças do clube sem nenhum embasamento, apenas chutando para tirar o foco da desgraça do rival. Vai ser difícil renovar com os jogadores, o torcedor maria-vai-com as outras passa a abandonar o estádio e não se associar.

Battistotti, o Avai esta nas tuas mãos. O Avai FC é a Capital na Serie A. Vamos continuar a ser desrespeitado pela crônica esportiva da Capital?

quarta-feira, dezembro 07, 2016

Delfim se foi

E o doutor partiu para sempre

Como toda figura polemica, Delfim foi amado e odiado. Mas em três décadas no poder e acompanhando os clubes, especialmente nas decisões, não da para dizer que ele passou despercebido.

Não há como negar que, desde que o “da barba” ou o “homem do charuto”  assumiu a Federação Catarinense de Futebol nossos clubes ganharam maior projeção.

Discordei de muitas de suas decisões, concordei com outras, mas marcou historia no futebol Catarinense e Brasileiro. Uma das vitimas da tragédia com o avião que transportava a Chapecoense na Colômbia, talvez por estar em litigio como os manda-chuvas da CBF como Marco Polo Del Nero seu falecimento foi ignorado.

Essa voz ferrenha contra Marco Polo Del Nero foi calada, mas triste mesmo foi ver o silencio da mídia esportiva de Santa Catarina que se limitou a seguir a mídia nacional e também o ignorou.

Ontem, 3ª feira (06), foi sua missa de sétimo dia, pouco ou nada se voltou a falar dele, especialmente nas redes de teves locais. Todos noticiário estão voltados para os integrantes do clube Chapecoense. Tudo como manda o eixo Rio-São Paulo que tantos da mídia esportiva criticam, mas fazem igual.

Descanse em paz Delfim de Pádua Peixoto Filho (Itajaí, 3 de janeiro de 1941 – La Unión, 29 de novembro de 2016)!

terça-feira, dezembro 06, 2016

Avaí renova com técnico Claudinei Oliveira

Renovou! 
Claudinei Oliveira chegou ao Avaí em 25 de agosto de 2016.

Comandou a equipe em 16 jogos, tendo conquistado 12 vitórias, 4 empates e nenhuma derrota. O Avaí fez 23 gols e sofreu apenas 4.

O novo contrato com o técnico que recolocou o Avaí na Série A tem vigência até dezembro de 2017.

Conheça um pouco mais sobre o treinador que estará a frente do Avaí em 2017

Nome: Claudinei dos Santos Oliveira

Idade: 29/09/1969 (46 anos)
Naturalidade: Santos-SP
Iniciou a carreira como técnico nas equipes de base do Santos (Sub-15, Sub-17 e Sub-20), conquistou três campeonatos paulistas (2009, 2010 e 2012), além de uma Copa São Paulo de Futebol Junior (2013). No mesmo ano da conquista da copa foi efetivado como treinador profissional na equipe santista.

O treinador tem passagens por equipe como Goiás, Atlético-PR e Paraná.
– Vice Campeão Campeonato Brasileiro Série B (Avaí, 2016)
– Campeonato Paulista (Santos, Sub-15, 2009)
– Campeonato Paulista (Santos, Sub-17, 2010)
– Campeonato Paulista (Santos, Sub-20, 2012)
– Copa São Paulo de Futebol Junior (Santos, Sub-20, 2013)

Agora cabe o torcedor deixar de lado o ceticismo, se associando e apoiando o time em campo.
#Solta o Leão Serie A!

segunda-feira, dezembro 05, 2016

Proezas avaianas

This Avai does things

Não é só em Santa Catarina que a torcida do Avai é grande, mas também em outros estados, principalmente no Rio, o que mostra a grandeza do clube em outros estados da federação.

Mesmo quando estava na Série B, sempre tivemos torcedores pelo mundo, os quais já foram objeto de postagem aqui no meu blog e outros que se manifestam de varias forma. Muitos dos quais conheço apenas pela mídia.  

Amar o clube independente de qualquer divisão e ainda morando fora do Brasil é para poucos

professor de controle automático do Departamento de Engenharia Mecânica e Industrial da Universidade de Brescia, Itália, Antonio Visioli, mesmo longe ao longo do ano sempre mostrou ser o décimo segundo jogador avaiano.  Durante todo tempo do jogo do acesso arranjou um leãozinho e ficou na torcida por mais uma vitoria avaiana. Terminado o jogo, onde o Avaí venceu o Londrina por 1 a 0 e conseguiu o acesso o eufórico torcedor bateu a foto ao lado, encaminhou ao amigo Antonio Coelho para nos repassar e nos felicitar pelo acesso.

Se vejo alguém com a camisa do Avai já fico contente, imagina sabendo de uma pessoa que mora a milhas e milhas distante de Santa Catarina declarando seu amor pelo Leão. É emocionante.

Antonio Visioli, parabéns pelo seu bom gosto, obrigado por tudo, boas festas e continue a mostrar apoio ao Clube Mais Vezes Campeão de Santa Catarina, o que melhor representou o Estado em Brasileirão de pontos corridos de todos os tempos, a 6ª colocação no Brasileirão de 2009, o ÚNICO da Capital de Todos os Catarinense na Serie A 2017, Campeão Brasileiro e agora vice-campeão da Serie B 2016.

A blue world to you blue blood. Have a good week.

sábado, dezembro 03, 2016

Siga seus amigos e a vida lhe ensinara a viver melhor

Hermes, Aurélio, Eu, Rita e Leo
A vida é aquilo que acontece la fora enquanto você faz planos

Em mais uma dica do mineirinho Léo, presidente do AAU-Amigos Avaianos Unidos o qual conhece essa cidade mais que muitos manés, pegamos a estrada e fomos parar no Ribeirão

Em questão de segundos a vida pode mudar de rumo. Acredite, uma mísera palavra muda o sentido de uma frase inteira
Tudo pode mudar a qualquer hora. Por isso sempre pense na vida como uma caixinha de surpresas (que na verdade é) e pense em tirar proveito de cada segundo dos seus dias.

Foi pensando nisso que eu e meu amigo, o polivalente professor Coelho criamos o grupo AAU-Amigos Avaianos Unidos.  Onde o professor Léo Rezende pode ser interinamente presidente, RP, diretor social ou motorista da rodada do itinerário que o grupo traça por esse Brasil afora. Aja folego?!

Não importa quem e quem no grupo fora ou dele, todos abraçamos a mesma ideia. Somos um grupo unido, parceiros mesmo.

Como diz o mané gente da melhor qualidade. Não só para acompanhar o Avai pelo Brasil afora, o que é sempre um desculpa boa para estar entre amigos, mas para trocar um papo cabeça, jogar conversa fora ouvir alguns feras do grupo tocar e cantar e acima de tudo aproveitar tudo de bom que há nessa vida, como comer e beber.

Nessa quinta-feira o encontro foi la no cantinho do Ribeirão da Ilha, no Empório do Mar, não tem estrutura que tem o Nostradamus, que no Ribeirão é imbatível, mas tem o atendimento personalizado da proprietária, a Rita (obrigado pela aula sobre ostras ) e frutos do mar de dar água na boca. Já comi "vieiras" fora do Brasil como em Madri e Veneza, mas iguais as criadas na Fazenda Marinha Sul Floripa, sobre a supervisão do Emílio e servidas pela Rita, jamais. Um delicia.
Ribeirão da Ilha de muitas historias e que ainda preserva um pouco de nossa cultura e de uma beleza impar como esse por do sol lindo numa atmosfera boa demais entre clientes e proprietários do estabelecimento.
É preciso cultivar os afetos, deixar os desafetos pra lá, parar de brigar por pequenas coisas e curtir a vida. Meu muito obrigado a todos do Restaurante Empório do Mar, desde aquele que cuida do cultivo dessas delicias, até quem nos levou essas comidas divinas até a nossa mesa.

Obrigado por tudo Rita, Emílio e sua equipe do Empório do Mar, eu voltarei. Aguardem-me. Um grande beijo nas meninas e um abraço nos meninos!

sexta-feira, dezembro 02, 2016

Coisa de avaianos_ o avaiano Guilherme

Uma paixão que nunca cessa
Perpetuar esse amor pelo Avai para futuras gerações são coisas que são feitas até por quem não mora em Florianópolis, como o casal abaixo.

Guilherme, o garotinho ai ao lado, acompanhado de sua mãe Ava (Alô, professor Hermes, é Ava, mesmo) esteve junto com seu pai Samuel, comissario de bordo no jogo contra o Náutico para conhecer o ambiente avaiano e pelo jeito é um sortudo.  
Assistiu a goleada do Avai sobre o time Pernambucano  na Ressacada e na viagem de São Paulo para Florianópolis, o moleque conheceu o ídolo avaiano Marquinhos Santos. Já nasceu com uma estrela na vida e do Clube Campeão Brasileiro no peito, ainda conheceu uma estrela avaiana? É um iluminado.

Oh! Moleque de Sorte?!  
Agradeço ao casal paulista pelo bom gosto clubístico, o bom encaminhamento do seu filho para torcida do Clube Mais Vezes Campeão de Santa Catarina, o que melhor representou o Estado no Brasileirão de pontos corridos, A serie 2009, a 6ª colocação, o ÚNICO da Capital de Todos os Catarinense, Campeão Brasileiro e Serie A 2017 e agora Vice-Campeão Brasileiro do Serie B

Na foto ao lado o professor do IEE, Hermes com Guilherme no colo, ladeado por Andreia, Samuel e esposa e demais torcedores sempre presentes na Toca do Leão como o professor Antonio Coelho e a esposa do prof Hermes, a grande profissional do Banco SantanderRose
Que a gente se encontre muitas e muitas mais vezes em 2017. Claro, como pé quente Guilherme junto.

quinta-feira, dezembro 01, 2016

O torcedor que todo time quer ter _ John David, o Inglês Fanático pelo Avai




My friend, David

O Inglês que tem uma bandeira de 900 euros para acompanhar o Avai em três jogos do ano em qualquer lugar em qualquer divisão. Seu único time de coração é o Avai FC esteve em Londrina, no jogo do acesso, saiu the Estadio do Café in just joy
This crazy avai is é ou não é um fanático pelo Avai?

David, emoldurado pelas diretoras da Torcida AvaiXonadas

Infelizmente esse tipo de noticia boa no futebol não é destaque nacional
Assim como nunca se falou da Chapecoense e nem do Vice-Campeonato da Serie B do Avai , time de melhor campanha no returno do futebol Brasileiro de 2016, a frente de clube com Vasco da Gama e Bahia com poderio financeiro astronômico e do Clube dos Treze.

Como diria o herói e filosofo do BB, Kleber Bambam, faz parte.
É de lamentar, mas temos torcida no mundo todo e isso e o que importa. 
Thanks for your support in 2016, my friend. In 2017 we will be together in Serie A
Vamo Vamo Avaeeeeeeeeeeeee!

quarta-feira, novembro 30, 2016

Utilidade Publica_Campanha RENANZINHO

Faça a sua parte, qualquer valor depositado ajuda a Renanzinho. 
Então anota ai!
A vida é assim, infelizmente só se pensa na morte nas horas das tragédias como essa que ocorreu com o time da Chapecoense. Muitos estão falando da boca pra fora, são pessoas mesquinhas que brigam com familiares, sacaneiam os amigos e hoje posam de bonzinho.

É preciso cultivar os afetos, deixar os desafetos pra lá, parar de brigar por pequenas coisas.
Quantos hoje posam de solidário com a Chapecoense já foram no estádio brigar com sua torcida sem ao menos conhecê-los e vice-versa?

Muita hipocrisia e poucas boas ações. Como a gente se demora em questões que não geram amor. Mas para f#der todo mundo ou se vingar estão sempre a disposição.
Mas pratica de amor, menos religiosidade e falsidade. Que tal ajudar Renanzinho?

terça-feira, novembro 29, 2016

Uma tragedia sem precedentes no futebol mundial

Força e fé a todos os familiares e amigos das vitimas dessa terrível tragedia 

Meus pêsames a família das vitimas da tragédia com o avião que transportava a delegação da Chapecoense em especial aos da família de Cléber Santana, um dos lideres da equipe do nosso histórico campeonato de 2012, que mesmo a mídia de Florianópolis (sempre suspeita e que nada sabe de futebol e esse ano voltou a errar, mas são especialista em bastidores) dizendo que o rival levantaria o caneco com os pés na costa, tomaram um pé na bunda e humilhamos o rival na nossa casa e na casa deles. 
CS 88, um profissional que marcou historia no Avai FC sera sempre lembrado pelos torcedor do mundo todo por onde passou e que se destacou nos gramados Catarinense por Avai e Chapecoense.

Ta difícil se ver bons profissionais no esporte

Falam tanto que jogador de futebol é limitado, mas esquecem de olhar para si e quem comenta futebol.
Que decepção com a Sport TV.  Domitila (uma loira que faz um programa de esportes ao meio dia) na segunda feira mostrou gols e relacionou quem foram os clubes que subiram. Em nenhum momento falou ou mostrou os gols do Avai.
No programa Redação, Carlos Cereto coordenador de esportes da Sportv São Paulo, disse que Avai e Figueira nunca fizeram um clássico no Brasileirão Serie A, porque quando um sobe o outro desce e desceu o pau no futebol catarinense dizendo que não temos estrutura para estar na Serie A. 
Pode até ser sobre nossa estrutura, mas não é verdade que Avai e Figueirense nunca jogaram um Brasileirão junto. Até o ano passado os dois estavam juntos na Serie A. 
Alem de desinformado não precisava ser tão deselegante. Hoje mesmo de ferias, falsamente esta no ar cobrindo a tragédia ocorrida com a Chapecoense. Cara de pau! Não é atoa que ninguém quer trabalhar com ele. Milton Leite que o diga.
Hoje Resek ao falar sobre Mario Sergio disse que ele só fez um grande trabalho no Corinthians, no Figueira teve passagem inexpressiva. Mas um desinformado dentro da SPORTV. O vice-campeonato da Copa do Brasil é uma passagem inexpressiva?
Ignoraram a Chape até agora. E para aumentar a audiência estão cobrindo o desastre com gafes atrás de gafes. Totalmente desinformados sobre nosso futebol. Que limitados. São serie “C” e olhe la.

Que o pessoal de fora que só olha para umbigo deles não saiba nada sobre nosso futebol, pela arrogância e prepotência até acho natural, mas ao ouvir os comentários de Grazi Aguiar e Suzane Quevedo hoje na teve me assustei. Nossa, elas não sabem nada além de ler mal e porcamente um texto. Acho que não devem saber nem o básico do futebol. Que vá ter algumas aulas com Renata Fã, Soninha  ou passe a se interessar mais por futebol.

Sobre a decisão da Sul Americana, gostei da sugestão de Mattheus Lapagesse da Silveira que disse: "simples, Chapecoense põe a base pra jogar, Atlético não entra em campo, e Chape ganha por WO". Boa saída e o campeonato decidido em campo.

Atlético já esta classificado para a próxima Libertadores, a Chape entraria como campeão e com apoio financeiro e de jogadores de clube do mundo todo que se colocaram a disposição do time do Oeste, daria um jeito da Chapecoense continuar a bem representar Santa Catarina.
A ideia é boa, mas será que vão colocar em pratica? Ficaremos na torcida e solidários com o povo e o time de Chapecó.
Tamos juntos!

ET: Quem duvida da minha solidariedade ao time da Chapecoense e minha honestidade que olhe minhas postagem anteriores no blog e no face dando parabéns as conquistas da Chape e vibrando quando o Avai ganhou do JEC, mas no final fiquei na torcida por sua permanência. Bem diferente dessa turma de urubus que aproveitam tragedias para ganhar audiência.

Deixa que nos ignore, deixe eles para lá

A luta pelos direitos iguais é desigual  
Apesar de a grande imprensa dar destaque ao titulo do Palmeiras que viveu situação semelhante a nossa no primeiro semestre, por aqui o foco não é superação do Avai nem a  conquista do acesso com uma rodada de antecedência, muito menos a conquista do vice campeonato Brasileiro da Serie B.  

O foco todo é na queda. Não na queda do rival que passou todo campeonato na zona de rebaixamento,onde  tudo é tratado com melindres até com entrevistas direcionadas como foi o ultimo Role do Roberto pelas ruas da cidade entrevistando avaianos que nunca foram ao estadio, só vomitam o que eles falam e sugestionando a dizer que não acreditava no time. 
Quando entrevistam torcedor de estadio tipo Pedrinho do Horácio, editam e ao invés de mostrar o que falou, como nos melhores momentos do jogos do Avai o que bom não aparece. Ter a hombridade de dizer que erraram quando colocavam como modelo as administrações do JEC e FFC, nem pensar. Falar em queda e suas consequências nefastas, só a do JEC

Elogios ao Avai  pela conquista do vice-campeão Brasileiro só no programa Bem Amigos de Galvão Bueno o qual rasgou elogios ao Avai e Chapecoense, dois times Catarinenses que tão bem representaram o Estado. No caso da Chape ainda briga pelo titulo da Sul Americana. Poucos sabem que o Avai ficou 13 rodadas no G-4 e mesmo assim a mídia local dizia que não subia

Em 2016, foi assim e 2017 não serão diferente.  Noticias do Avai, só noticias ruim. Cabe aos gestores do Avai garantir um elenco competitivo para varias competições que o clube ira participar no próximo ano.

O Avai Serie A 2017
Temos torcida e estamos na Serie A

Saber negociar é uma arte e traz enormes vantagens competitivas no mundo do futebol. Muito acham que o Avai tem que copiar o modelo de gestão da Chapecoense. Discordo.  

La é um tipo de administração que já foi modelo no São Caetano
Enquanto estava vencendo tinha apoio dos órgãos públicos e empresários poderosos, quando começou a ruir, sem torcida e sem o apoio de quem pagava grande parte das suas despesas voltou a ser um time comum.

Lembrando que Chapecoense um clube com 43 anos abriu falência em 2005, mas com apoio da prefeitura, governo do estado e empresários se reergueu. Essa administração modelo para muitos foi a mesma que contratou Vinicius Eutropico em 11/12/2014 e perdeu praticamente o titulo estadual por ter escolhido o técnico errado e apos seis jogos no Brasileirão sem vencer o demitiu em 15/09/2015. Cujo técnico demitido saiu falando cobras e largados, veja:"...Tem jogadores que estão abaixo do que deveriam render. Não é só a comissão técnica que está errando(malhando o pau na diretoria).

O Avai é um gigante de Santa Catarina que tem dividas a serem negociadas, diferente do time do Oeste que é o único clube da cidade, por ser recente e já nascer contando com verbas da Prefeitura nunca teve que administrar esse tipo de problema.  
Estamos vivendo um momento econômico difícil e incerto, por isso não podemos errar.
Não é simplesmente copiando o que é feito no time Oeste, que vai se achar que vai dar certo no litoral; é muito mais que isso, é um processo dinâmico o qual deve se adaptar a nossa realidade.  A realidade de clubes que não contam com aporte financeiro de prefeituras e com cidades culturalmente diferentes.

Para mim o caminho estratégico do Avai é copiar a gestão de um clube que guardado as devidas proporções  tem as mesmas características que a nossa e até recentemente estava atolado em dividas e hoje  através de parceira estratégicas  é modelo de gestão esta se reestruturando e montando uma equipe forte. Por laços familiares, minha antiga namorada era o Vasco, entretanto tenho que reconhecer a gestão de Eduardo Bandeira de Mello, atual presidente do Flamengo é um enorme diferencial sobre as demais  gestões dos clubes Brasileiros.

A negociação estratégica é antes de tudo “planejar o jogo” identificando e estudando as partes envolvidas, o perfil do negociador, o histórico dele, diagnosticando o que efetivamente é importante para ser abordado numa negociação tipo a renovação de Renan que a torcida tanto pede. 
  

Os desafios de Battistotti em 2017 são muitos, mas será a hora dele verdadeiramente ser desafiado  a provar que é um bom gestor.

Num primeiro momento tem que fazer uma limpa no elenco, reduzir drasticamente o numero de jogadores. William é um que Deus em campo ha muito tempo o abandonou, esta indo embora. Surpreendeu negativamente a mim e a muitos outros torcedores que pediam sua volta.  Agora é se preocupar com a renovação de Renan, Betão e Sanches, os alas e se possível com o polivalente Renato.  

Não devemos ter medo de perder qualquer jogador ou Claudinei Oliveira. Mas temos que saber negociar, especialmente com jogadores bad boy tipo Carlos Alberto, pela que me parece esta em conversação com clube.

Do time do lado de lá,  se fizerem contrato de risco com CA será bem vindo ao Avai, o mesmo vale para Rafael Moura. Afinal precisamos de um homem-gol e ele provavelmente não sera reaproveitado no Atlético MG com os lançamentos primorosos de M10 ia se dar muito bem.

Não sei qual o planejamento para o Catarinense. Mas é bom lembrar que o Brasileirão começa poucos dias do termino do mesmo. Temos que ter uma boa equipe montada e nas primeiras rodadas  enquanto os grandes time se ajeitam, sair largando bem evitando  ficar nas ultimas rodadas na pressão do Z-4.

Deixa eles pra la e vem pra cá

Tivemos um turno com regularidade e a torcida voltou ao estádio, prova que nossa torcida é maravilhosa, num jogo onde praticamente não valia mais nada, enchemos o estádio e a solidariedade  a Renanzinho foi enorme.

Temos torcida, faça times competitivos que ela apoia. Não são os times mais ricos, nem os de maiores tradições no futebol brasileiro que tem lugar no “pódio”. Mas aquele que os jogadores com força do futebol coletivo, a credibilidade de seus dirigentes o levam ao sucesso. Com a conquista do vice campeonato brasileiro o Avai provou isso. O novo time do Leão tem que ter mentalidade vencedora, como teve em 2016 nas mão de Claudinei Oliveira

Esperar reconhecimento dos nossos méritos  pela mídia local, nem pensar. Então que em 2017 time, dirigentes e torcedores estejam unidos.

Depois de toda superação, hora de agradecer ao grupo avaiano de bravos guerreiros. Time de MONSTRÃO, obrigado pelo acesso e o vice-campeonato da Serie B 2016! 
Tamos juntos em 2017!
NOTICIA DE ULTIMA HORA
Avião que transportava a Chapecoense sofre acidente aéreo em Medelin 
e a noticia é de 75 mortos e seis sobreviventes. O goleiro Danilo é um dos sobreviventes.

segunda-feira, novembro 28, 2016

Ressacada_Avai (Vice Campeão Brasileiro da Serie B_2016) 1 x 1 Brasil de Pelotas (RS)

Damos o troco bonito
A batalha da Série A foi vencida e damos o troco nos críticos do time e secadores em dose dupla.
O grupo que nas mãos de Silas não decolava, com Claudinei Oliveira no comando decolou e com uma rodada de antecedência conseguiu o acesso e o vice campeonato Brasileiro da Serie B.

Mais uma vez o Avaí se superou
Terminamos o primeiro turno  do Catarinense de forma surpreendente e quando todos achavam que Silas tinha encontrado o time, tivemos um returno decepcionante. Veio o Brasileirão e apesar de não terminar nenhuma rodada no Z-4, o time não decolava.
Silas foi demitido e cara que conhece vestiário como ninguém, o visionário Joceli dos Santos assumiu a gerencia de futebol, trouxe Claudinei Oliveira e  garantiu o acesso.

Com protesto contra o presidente e crise financeira no clube o grupo de jogadores se uniu, fortaleceu e com muita humildade e apoio do seus torcedores grupo chegou lá.
Estive no jogo de despedida do Avaí da Serie B, fiz alguns registros e repasso a vocês. Como o espaço não comporta um grande número de fotos, quem tiver interessado em olhar as demais “fotografias”, favor clicar AQUI.
Apesar de Renan, Sanches, Betão e Capa serem unanimidade entre os torcedores que pedem a renovação de seus contratos, Diego Jardel não so fez o gol do acesso como nesses dois últimos jogos, jogou muita bola.
Ídolo não é porque alguém escolheu, mas por que faz por merecer. E Marquinhos foi o diferencial nessa equipe, foi o cara nessa superação avaiana.
De grupo de chacota da mídia local a vice campeão Brasileiro de um dos campeonatos mais difíceis do mundo. Parabéns a todos pela conquista e a torcida que esteve sábado na Ressacada assistindo Avaí 1 x 1 Brasil de Pelotas e contribuindo financeiramente com Renanzinho.

Meu muito obrigado a nação azurra por permitir eu fazer esses registros históricos de seus momentos de lazer na casa avaiana, desejando a todos boas festas e feliz Ano Novo.
Até 20017 com o Avaí onde ele estiver.
Tamos juntos!!!

domingo, novembro 27, 2016

Confraria Toca do Leão_Avai 1 x 1 Brasil de Pelotas (Serie B_2016)

Torcida Serie A
A batalha do acesso foi vencida assim como o Campeão Brasileiro da Serie A do técnico Cuca que começou treinando  no Avaí, o seu Palmeiras começou desacreditado, mas com um grupo unido atingiu seu objetivo, o Avaí igualmente com muita luta da diretoria, profissionais monstrão e apoio do seu torcedor conseguiu o acesso a Serie A 2017.

Conseguido o acesso em  Londrina, hora de comemorar o feito.

Sábado torcedores do Time Serie A voltaram a Ressacada para festa do acesso, mas antes fizeram o famoso "pitstop" no bar mais democrático no entorno do estadio. Festa essa que começou com um churrasquinho la no estacionamento e terminou com mais churrasco na Toca do Leão. Mas claro, como os nossos jogadores em campo tiveram apoio da comissão técnica para jogar o seu melhor futebol, nos tivemos o apoio dessas belas meninas para aliviar o calor da festa e molhar as palavras.
A luta de Avai (Davi) contra integrantes do “clube dos treze” ( Golias) como maior poder de fogo financeiro para o acesso, não nos assustou. Como o Apoio de todos o Avaí terminou o campeonato como vice Campeão Brasileiro da Serie “B”. Comemoramos o feito em grande estilo.

Torcida só sorrisos e que belos sorrisos
Gostou dessas fotos? Quer espiar os demais registros feitos na Toca do Leão? Continue "ixpiando" . Se não encontrou sua foto aqui por falta de espaço, então clica AQUI e divirta-se. 

Valeu, pessoal!
Despeço de todos, desejo bom fim de ano e em 2017 temos encontros marcados aqui na Toca do Leão e na Ressacada.
Obrigado aos membros da Confraria Toca do Leão, aos proprietários da Toca do Leão (Patricia e Marcos) e a toda a sua equipe de trabalho que tão bem nos atenderem durante anos. 
Que 2017 possamos fazer um social com os amigos acompanho de muitas vitorias do Avaí.
Tamos juntos!