Minha lista de blogs

terça-feira, fevereiro 03, 2015

Ilha do Campeche_2015

Uma das coisas que eu mais gosto de fazer quando tô viajando, passeando ou entre amigos e familiares é fotografar. Além de registrar bons momentos temos chances de rever as fotos e comentar sobre cada assunto durante décadas.
Não sigo nenhum roteiro, deixo as coisas rolarem. Deixo as pessoas se sentirem bem para ser fotografado, caso contrario evito fazer o registro.
Hoje, enquanto as férias não terminam reuni uns amigos e fomos à Ilha do Campeche. Logico quanto se esta fotografando tem coisa que roubam a cena.
Hoje teve um Quati que apareceu do nada e um grupo de belas meninas de Campo Grande-Cuiabá que se divertiam na praia pediram para serem fotografadas.

O dia ficou entre o nublado e chuvoso, mas deu para nos divertir bastante e tirar algumas fotos interessantes. Que tal?
Passamos o dia praticamente entre jogo de frescobol, mergulho, braçadas na água e muitos papos com amigos de mesas próximas a nossa como a tripulação do barco Pesqueiro Águia Dourada VII de Itajaí que estavam em dia de folga do trabalho e o lobo do mar, o famoso Urso da Barra da Lagoa.
Realmente a Ilha do Campeche é um paraíso. A lula e a isca de peixe acompanhada de umas Antárticas servida pelo Restaurante da Ilha estavam muito boas. Na volta ao barco comandado pelo experiente navegador Daniel Henrique e seu parceiro de trabalho encontramos mais um grupo de turista encantado com as belezas do local.

Por hoje é so...mas tem mais...
Antônio, Aurélio, Leonardo, Hermes, môs quiridum, que delicia reunir essa rapaziada, mas preparem-se, quinta tem Avai na Ressacada e sexta Berbigão do Boca.
#Tamo juntos!

NOTA: As demais fotos você encontra AQUI


4 comentários:

  1. Serjão, para esta turma não tem tempo ruim, tudo se transforma em alegria, felicidade e amizade. Ontem foi mais um daqueles dias de alto astral e novamente na prateleira das melhores. Vem mais por ai. Abç. AntonioC.

    ResponderExcluir
  2. Sergio, só por curiosidade. Quanto foi o barco e saiu de onde?
    Sou manezinho e nunca fui na Ilha do Campeche, um sonho que sempre fico adiando, mas agora to decido hehe.
    Abç
    Fernando.

    ResponderExcluir
  3. AntonioC, boa noite mô quiridum! Viver bem também é estar entre amigos. Santa Catarina tem cenários que é uma beleza. Corro o mundo e posso dizer: poucas Estados do Brasil e do mundo tem a história tão rica e uma beleza tão diversificada entre suas cidades como Santa Catarina. Norte, sul, leste ou oeste cada município tem suas belezas naturais encantadoras. Viver em um paraíso como Florianópolis e poder curtir suas belezas é para poucos privilegiados. Estamos entre eles. Poder curtir uma tarde entre amigos em um pedacinho de céu como a Ilha do Campeche, isso não tem preço. Um grande abraço e ate quinta-feira no pit stop da Toca do Leão. Abs!

    ResponderExcluir
  4. Fernando, boa noite mô quiridum avaiano! Se você não pode ir a Fernando de Noronha, não esquenta. Com menos infraestrutura, mas temos nossa Fernando de Noronha bem pertinho da gente. Aguas cristalinas, caminhada ecológica, mergulho... aqui também é bom demais.
    Você pode ir por qualquer ponto da Ilha. Mas indico dois locais de fácil acesso e preços mais atrativos.
    - (Bote) Campeche ao lado esquerdo da praia, de 5 a 10 minutos de chegada, preço por pessoa – r$ 80,00
    - (Barco) Armação do Pântano do Sul, final da praia a direita, na ilha das Campanas. Preço por pessoa – r$ 60
    Quatro horas de puro prazer. Existe dois restaurante no local, comida e cerveja boa como em qualquer lugar da Armação e Matadero. Porem leve agua e cerveja. La so tem latinha e ao preço mínimo de r$ 5,00. Pode pagar com cartão.
    ET: So pode ficar na ilha 4 horas. Então fique ligado na volta por que se não você vai ter que ir com outro barqueiro e pagar novamente.
    Agora é com você. E dai, vai encarrar? Abs!

    ResponderExcluir

Ta expiando? Gostou? Tem conta no google? Vai, comenta!
Tenha autocritica, argumente, sem usar termos chulos e obscenos (palavrões).Pode discordar, mas sem guerras verbais, ataques pessoais a pessoas e instituições. Assim tu me agradas! Danke Fur Ihren Besuch, thanks for your visit.