Minha lista de blogs

sábado, julho 12, 2014

Casados Vs Solteiros

A pelada do final de semana
Ninguém imaginaria, antes do Mundial no Brasil, de ver sua seleção cabisbaixa  jogar em Brasília para atuar no Estádio Nacional no dia 12 de julho. A seleção brasileira e a Holanda, contudo, estarão lá. O confronto de hoje, sábado, às 17h (de Brasília), definirá a terceira colocação da Copa de 2014.

Quem assistiu a maioria dos jogos da Copa do Mundo no Brasil, imediatamente notou o quanto evoluiu o futebol das seleções ditas sem expressões. Em compensação Espanha e Brasil deram vexame.

Futebol ou MMA
Pelo menos é o que mostram as estatísticas da ferramenta ESPN Trumedia. Excesso de faltas e aproveitamento parecido dos passes se destacam no jogo das escolas de Luiz Felipe Scolari e Louis Van Gaal. O duelo de hoje na capital federal será um tira-teima das duas equipes que mais batem na Copa do Mundo de 2014.

Pois bem, o escrete de Felipão além de dar vexame histórico é o mais violento da Copa, com 117 faltas e a que mais recebeu cartões, os Holandeses vêm na sequencia. A Argentina é mais disciplinada.

Como bem disse o técnico da Alemanha, Joachim Löw. Brasil x Colômbia não foi um jogo, foi uma luta, com várias faltas violentas dos dois times, muitas cometidas por trás. O árbitro tem o dever de proteger os jogadores”, disse o treinador.

Nada poderá apagar o vexame do 'Mineiratzen'. Essa humilhação é uma mancha que marcará para sempre a história centenária da seleção brasileira. Mesmo assim, uma vitória sobre a Holanda pode ajudar a equipe a se despedir da torcida com uma nota positiva no Mundial que disputa em casa.

Com  Felipão e Parreira, tava na cara que a tática seria uma mistura de 94 e 2002. E pior, dizem quem quem escala o time é Parreira.

Que seja "a morte do futebol de resultados". Pois cansei de ver neguinho (e não só Parreira, Zagalo e Felipão) falando que é melhor ganhar como em 94 que perder como 82. 

A CBF deveria reformular completamente o Brasileirão, justamente pelo modelo arcaico que possui e por não estimular nenhum vivente a ir aos estádios, bem como fazer uma faxina na entidade máxima de nosso futebol. O correto já seria começar um trabalho de renovação rumo à próxima Copa do Mundo, em 2018, na Rússia.

Mas pelo jeito nada muda. Marco Polo Del Nero, presidente eleito da CBF  afirma: em nada irá interferir no trabalho de Luiz Felipe Scolari à frente da seleção brasileira.


Temos a ilusão que o Brasil joga o melhor futebol do mundo. Assim fica difícil. Pela quarta vez disputará o terceiro lugar de um Mundial. Foram duas vitórias, em 1938 (4 a 2 sobre a Suécia) e em 1978 (2 a 1 sobre a Itália), e uma derrota, em 1974 (1 a 0 para a Polônia).
Que vença o menos pior!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ta expiando? Gostou? Tem conta no google? Vai, comenta!
Tenha autocritica, argumente, sem usar termos chulos e obscenos (palavrões).Pode discordar, mas sem guerras verbais, ataques pessoais a pessoas e instituições. Assim tu me agradas! Danke Fur Ihren Besuch, thanks for your visit.