Minha lista de blogs

sábado, junho 08, 2013

O inferno de Dante

Deu a louca na Arbitragem

Dessa vez Ricardinho botou em campo o time dos sonhos do torcedor  e fizemos uma das melhores partidas do ano na Ressacada. Só não obtivemos exito fase as ocultas intenções da arbitragem. Intenções essas criticadas por todos no estadio e toda a imprensa Brasileira.

A torcida avaiana compareceu em bom número e incentivou o time do começou ao fim do jogo, em campo o Avaí mostrou um futebol de encher os olhos, se não fosse as intenções do arbitro contrario a nossa vitoria, os seis mil e pouco torcedores sairiam contentes da Ressacada.

Um jogo para ficar na historia, não só na historia de Avaí e Jec como na historia do futebol mundial como o jogo em que o arbitro decidiu que um time não podia sair de campo vitorioso.

Já vimos erros de arbitragem, mas no jogo de ontem o senhor  Roman Marques da Rosa criou todos os fatos para um caso de internação clinica. Se não tem problemas neurológico é um caso de policia ou a ser investigado, se  não vejamos:

- Não de um gol em que a bola entrou 30 centímetros para dentro do gol.
-  Inverteu o lateral e não deixou que o substituto do jogador machucado entrasse em campo e que resultou em gol do adversário
- Não deu duas falta claras seguidas permitindo que o adversário fizesse o seu segundo gol
- Inverteu todas as faltas contra o Avaí
- Deu quatro cartões  amarelos para o Avaí  e nenhum para o JEC
- Mesmo marcando falta em todo contato físico de jogadores Avaianos sobre jogadores do JEC e entre tantas coisas que colocaram em duvidas a lisura de sua arbitragem é que não deu nenhuma falta na entra da área do JEC. Mesmo faltas graves, simplesmente fez vistas grossas.

A lamentar que em jogo transmitido para todo Brasil e a gravidade do problema trazido pelo arbitro da partida, infelizmente nada vai acontecer com ele.

Resumindo:  O Avaí perdeu três pontos preciosos no campeonato, perdeu jogadores para o próximo jogo,  perdeu um volume  enorme de dinheiro ( muitos torcedores não vem no próximo jogo).

— Não adianta gente eles não gostam do Avaí, isso é a verdade. Esse jogo foi premeditado. O bandeira disse que era difícil ver o lance do nosso gol, mas e a falta? É difícil ver a falta? Ele disse que ia assistir na tevê e depois me falava em outro jogo se foi falta ou não. E daí? Os três pontos vão voltar — esbravejou Marquinhos na saída do campo.
O acesso agora é questão de honra

Após todo clima criado pela arbitragem, acho que se o time não estava unido o senhor Roman Marques da Rosa deu um incentivo a mais para o time e torcida se unirem e brigar pelo acesso.

Nunca tinha visto um espetáculo tao grotesco, creio o torcedor avaiano também.  Tanto é verdade que na saída do gramado a torcida aplaudiu ironicamente o arbitro e bateu palmas para o time pela excelente partida.

Nos estamos juntos!

4 comentários:

  1. Serjão, amigos...se não bastasse tudo isso, nós torcedores tivemos ainda de aturar as provocações de alguns membros da comissão técnica do JEC, inclussive "segurança" dando de macho no setor A no intervalo. Por pouco não houve briga de gente grande literalmente. fazia anos que não saia irritado, indignado, com sentimento de ter sido roubado e minha cidadania usurpiada.
    A direção do Avaí tem que formalizar uma reclama junto a CBF, pois FCF é conivente com essa arbitragem caseira que só visam prejudicar o Avaí.

    Em tempo: Chega de Ricardinho foi muito burocrático dentro e fora de campo. A coletiva dele poupou a arbitragem, quando era pra reclamar.
    Terça é o dia de todo Avaiano por a camisa a bandeira e ir pra "guerra" novamente conta tudo e contra todos. Chega se zueira dentro de nosso reduto.

    Abs,

    ResponderExcluir
  2. Serjão, não tiro uma vírgula do que tu escreveu. Sabes tudo, "mô pombo"!!
    E o momento para que a torcida abrace de vez este time é agora. Fomos desrespeitados dentro de casa pelo árbitro despeitado. Quem viu ou ouviu de casa, que trate de tirar o pijaminha e ir pra Ressacada. Somos ou não somos torcedores de verdade?
    A hora é essa. É pegar ou largar.
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  3. Evandro, a media de pênaltis não marcados por "Ceguinho" é três por cada um marcado. No Catarinense isso nos prejudicou consideravelmente e praticamente mudou a historia da final Catarinense em favor do Criciúma. Vem o Brasileirão e outro arbitro Catarinense, recalcado e mau intencionado provoca ou estrago em plena Ressacada. Diante do que foi feito pelo arbitro emocionalmente desequilibrado nossa torcida e nossos jogadores tiveram sangue frio para não fazer um besteira. Qualquer besteira que fosse feita seria proporcional aos atos insanos de "Ronan das Silva Marques" - um perfeito desequilibrado(para não dizer coisa pior). Terça feira tem mais e sera outra pedreira, só espero encontrar um sujeito como esses dois citados por um bom tempo na Ressacada ou pela rua. Perder ou ganhar faz parte do jogo, mas perder por causa do arbitro é inadmissível. Abs

    ResponderExcluir
  4. Raniere, mô quiridum, to contigo e não abro. É o momento da torcida se unir e lutar contra esse tipo de safadeza. A melhor maneira de lutar é se associando, indo ao jogos e apoiando o time. Terça tenho certeza que teremos mais de seis mil torcedores apoiando o time e contando com a união do grupo para mais uma vitoria do Avaí. Se o eles tem feito até agora não unir torcida e jogadores, então não une mais. Terça-feira com certeza a Ressacada vai tornar-se um caldeirao. Abs

    ResponderExcluir

Ta expiando? Gostou? Tem conta no google? Vai, comenta!
Tenha autocritica, argumente, sem usar termos chulos e obscenos (palavrões).Pode discordar, mas sem guerras verbais, ataques pessoais a pessoas e instituições. Assim tu me agradas! Danke Fur Ihren Besuch, thanks for your visit.