Minha lista de blogs

quinta-feira, março 07, 2013

Para Gozar um Pouco_AS APARÊNCIAS ENGANAM


Piada de Corno
Caso verídico que aconteceu em uma companhia de transporte público. Certa moça casada que vamos chamar de Josefa, pegava ônibus todos os dias para ir ao trabalho e sempre com o mesmo motorista e cobrador. Era todo dia assim: Josefa subia no ônibus, dava bom dia para o motorista, passava a catraca e sentava perto do cobrador e ia papeando até seu destino. Isso acontecia todos os dias da mesma forma.
Josefa começou a ficar muito distraída em casa com o marido e totalmente desinteressada de seus afazeres como esposa, se é que me entendem!. O marido, sem sombra de dúvida começou a ficar muito desconfiado e pediu para um amigo seguir a esposa no percurso do trabalho dela. Josefa não conhecia este amigo do marido. Um belo dia, depois de toda a fita do roteiro dela que o marido passou, ele foi e pegou o ônibus normalmente com quem ia trabalhar também, a mesma condução de Josefa, mas sempre atrás dela só observando.
Ele percebeu o que era de se esperar. Josefa sobe, cumprimenta o motorista, passa a catraca e senta de frente para o cobrador e ia papo até chegar ao ponto em que descia.
O amigo do marido com este papo todo alegre que ela estava com o cobrador já deduziu logo que Josefa estava de caso com o cobrador. Sem demorar muito pegou um ônibus voltando pra casa e foi logo contar ao marido dela.  Contado o caso, o marido indignado com a situação resolveu fazer uma surpresinha logo cedo para esposa, resolveu pegar o ônibus junto com ela, mas sem que ela percebesse.
No dia seguinte ele sobe discretamente e percebe a mesma situação contada pelo amigo. O marido corno se aproxima do cobrador e enche ele de pancada… seu miserável, imbecil…seu isso, seu aquilo e dali porrada. No fim o marido chifrudo foi expulso do ônibus e o cobrador ficou cheio de hematomas a ponto de ficar afastado do trabalho por um tempo.
Não adiantando nada o que ele tinha feito com o cobrador, foi pior ainda, o caso continuava. Josefa deixa o marido e vai viver com o amante. Fim da história, Josefa foi viver com o motorista!! Essa coisa dela subir no ônibus cumprimentar o motorista e sentar do lado do cobrador era só um disfarce, na verdade seu caso era com o motorista. E ainda por cima o cobrador ficava todo todo achando que a mulher arrastava asa pra ele. O máximo que ele ganhou foi umas boas cicatrizes!!
Colaborador: Alguem dessa turma. 
Eu hein! Quem tinha que apanhar era a Josefa não é!? Corno quando é corno de verdade fica até cego.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ta expiando? Gostou? Tem conta no google? Vai, comenta!
Tenha autocritica, argumente, sem usar termos chulos e obscenos (palavrões).Pode discordar, mas sem guerras verbais, ataques pessoais a pessoas e instituições. Assim tu me agradas! Danke Fur Ihren Besuch, thanks for your visit.